quinta-feira, 26 de julho de 2007

05- Principios Fundamentais do Karate

DOJO KUN (LEMA DO KARATE)
1. Considerar o Dojo como lugar sagrado.
2. Ser sempre sério para melhor a compreensão das suas experiências.
3. Actuar sempre com prudência e modéstia.
4. Ser tolerante para as opiniões que o outros tenham a seu respeito.
5. Ter tanto entusiasmo pelo sucesso alheio como pelo próprio.
6. Sómente se aproxima da perfeição, quem a procura com constância, sabedoria e sobretudo com humildade.
7. Quem teme perder já está vencido.
8. Todo aquele que está bem preparado não o parece.
9. Viver sempre na certeza de que o Mundo está do seu lado, enquanto lhe dedicar o melhor que há dentro de si.
10. Deve aprender a saber apreciar a verdade, a virtude e a beleza.
11. Honrar e respeitar as graduações e sobretudo as artes
marciais
.
ETIQUETA NO DOJO
1. Os alunos devem ser assíduos e pontuais.
2. Antes de entrar no Dojo deve descalçar os sapatos, retirar o boné e os agasalhos, fios, pulseiras e anéis etc.
3. Ao entrar no Dojo, fazer a saudação mostrando respeito ao lugar de aprendizagem.
4. O aluno deve respeitar o seu Mestre, seus instrutores, como também os alunos mais graduados, dentro e fora do Dojo.
5. Deve trazer sempre o seu Gi (Kimono) limpo mantendo-o arranjado, bem como o cinto bem colocado.
6. Manter sempre as unhas curtas, para impedir que possam causar ferimento a outros alunos quando praticarem juntos.
7. Tentar não comer pelo menos uma hora antes do treino.
8. Fazer sempre aquecimento antes de qualquer técnica ou acção, mesmo que faça o treino individual.
9. Quando o Mestre der a ordem para começar o treino, os alunos devem de imediato alinhar e ficar voltados para o Mestre.
10. Quando o Mestre pronunciar “Mokuso”! (meditação), devem fechar os olhos, respirar profundamente e concentrar-se no “tanden” (zona do abdómen perto do umbigo) e tentar conseguir a concentração.
11. Durante a aula deve estar concentrado e escutar atentamente toda a informação dada pelo Mestre, ou pelo (s) instrutor(es).
12. Ao usar equipamento de treino, trata-lo com cuidado. Após o seu uso guarda-lo no lugar certo ou destinado para esse fim.
13. Cinco minutos antes do fim do tempo de treino, fazer os exercícios de fecho,”retorno à calma com todos os alunos.
14. Quando os exercícios de fecho terminarem, sentar-se em seiza.
15. Se alguma vez fizer algum ferimento, não pratique até que o ferimento sare completamente.
16. Todo o karateka aceitará os conselhos dos mais graduados com humildade.
17. Nenhum karateka mais graduado fará uso de outro aluno menos graduado, sem que haja vantagem para o aluno de graduação mais baixa.
18. Durante a aula ninguém deve mascar pastilha elástica no Dojo.
19. Fazer a saudação ao Mestre, aos alunos mais graduados, com cortesia e respeito.
20. Quando sair do Dojo, não se esqueça de dizer: Oss!!! “Domo Arigato Gozaimashita” (frase de agradecimento pelo ensino).
AS VINTE REGRAS DE OURO
I. O Karate-do começa e finaliza com a saudação.
II. Não utilizarás o Karate-do sem motivo.
III. Pratiquem Karate-do com sentimento de justiça.
IV. Antes de conhecer os outros é preciso conhecer-se a si próprio.
V. Da técnica nasce a intuição.
VI. Não deixem vagabundear a vossa mente.
VII. O fracasso nasce da negligência.
VIII. O Karate-do não se pratica só no dojo.
IX. A prática do Karate-do é para toda a vida.
X. Tratar todos os problemas com espírito de Karate-do.
XI. O Karate-do é como a água a ferver.
XII. Não alimentem a ideia de vencer nem a de ser vencidos.
XIII. Adaptar a atitude à atitude do adversário.
XIV. O segredo do combate reside na arte de saber dirigi-lo.
XV. As mãos e os pés devem bater como sabres.
XVI. Ao franquear o limiar da vossa casa, mil inimigos vos esperam.
XVII. Kamae é a guarda do principiante. Depois pode-se adoptar uma posição mais natural
XVIII. As Katas devem realizar-se correctamente. No combate os movimentos adaptam-se às circunstâncias.
XIX. Três factores a considerar: a força, a altura e a técnica do adversário.
XX. Aprofundem sempre o vosso pensamento.